×

EFEITO DO DRY NEEDLING NA DOR MIOFASCIAL EM VIOLINISTAS

Edição:

EFEITO DO DRY NEEDLING NA DOR MIOFASCIAL EM VIOLINISTAS

RESUMO

Os músicos, instrumentistas de violino, executam exaustivamente movimentos que geram dores miofasciais, caracterizadas pela presença de Trigger Points que podem reproduzir dores referidas para outras regiões do corpo. Na prática clínica existem muitas abordagens terapêuticas, sendo o Dry Needling um recurso a ser utilizado, para reparar o tecido muscular em disfunção. O objetivo deste estudo foi verificar o efeito do Dry Needling no tratamento da dor miofascial em um grupo de violinistas. Foi realizado um estudo de intervenção, envolvendo sete instrumentistas de violino, que possuíam dores nas regiões de cabeça, pescoço e ombros, que foram submetidos ao tratamento de seis sessões de Dry Needling. Os participantes responderam um questionário destinado à identificação do perfil demográfico e ocupacional, para avaliar a intensidade da dor foi utilizada a Escala Visual Analógica, enquanto que, para mensurar o limiar de dor à pressão nos Trigger Points nas regiões de cabeça, pescoço e ombros, pré e pós-tratamento foi utilizado o algômetro digital. Os resultados demonstraram aumento no limiar de dor à pressão em todos os Trigger Points avaliados, e redução da intensidade da dor nas regiões de pescoço, cabeça e ombros. Verificou-se que o limiar de dor à pressão do Trigger Point 1 foi estatisticamente significativo com p = 0,04, assim como, houve uma com redução da dor estatisticamente significativa na região pescoço com p = 0,02. Podemos concluir que o Dry Needling é uma modalidade terapêutica capaz de reduzir a dor de origem miofascial nas regiões de cabeça, pescoço e ombros em violinistas.

 

Palavras-chave: Pontos-Gatilho; Síndromes da Dor Miofascial; Modalidades de Fisioterapia; Limiar da Dor; Terapia por Acupuntura.

 

ABSTRACT

Musicians, violin instrumentalists, exhaustively perform movements that generate myofascial pain, characterized by the presence of Trigger Points that can reproduce referred pain to other regions of the body. In clinical practice there are many therapeutic approaches, with Dry Needling being a resource to repair dysfunctioning muscle tissue. The aim of this study was to verify the effect of Dry Needling on the treatment of myofascial pain in a group of violinists. An intervention study was performed involving seven violin players, who had pain in the head, neck and shoulders, who underwent treatment of six sessions of Dry Needling. Participants answered a questionnaire designed to identify the demographic and occupational profile, to assess pain intensity, the Visual Analog Scale was used, while to measure the pressure pain threshold at Trigger Points in the head, neck and shoulders, Before and after treatment, the digital algometer was used. The results showed an increase in the pressure pain threshold in all evaluated trigger points, and a reduction in pain intensity in the neck, head and shoulders regions. Trigger Point 1 pressure pain threshold was found to be statistically significant with p = 0.04, and there was a statistically significant pain reduction in the neck region with p = 0.02. It can be concluded that Dry Needling is a therapeutic modality capable of reducing pain of myofascial origin in the head, neck and shoulder regions in violinists.

Keywords: Trigger Points; Myofascial Pain Syndromes; Physical therapy modalities; Pain threshold; Acupuncture Therapy.

Sobre o Autor:

Isabella Cardona da Mota¹, Larissa Lüdtke Roschildt2, Cleci Redin Blois3

1,2- Fisioterapeutas, Graduadas pela Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil.

  1. Professora Adjunta no Curso de Fisioterapia da Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil.

 

Autor correspondente:

Larissa Lüdtke Roschildt

Endereço: Avenida Fernando Osório 720, Apto. 301 -Bloco E. Pelotas, RS, Brasil.

E-mail: [email protected]