×

NIVEL DE APTIDÃO FÍSICA RELACIONADA À SAÚDE DE ADOLECENTES ESCOLARES BRASILEIROS: REVISÃO SISTEMÁTICA

Alexandre Nascimento¹ , Eduardo da Silva¹ , Maria Helena  Kraeski¹,

¹ Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Autor responsável:

Alexandre Nascimento

Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC),

Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. R. Pascoal Simone, 358 – Coqueiros, 88080-350.

E-mail: [email protected]

Edição:

NIVEL DE APTIDÃO FÍSICA RELACIONADA À SAÚDE DE ADOLECENTES ESCOLARES BRASILEIROS: REVISÃO SISTEMÁTICA

RESUMO:

O objetivo deste estudo foi investigar o nível de aptidão física relacionada á saúde de adolescentes escolares brasileiros, através de baterias de testes. Esta Pesquisa caracteriza-se por uma revisão sistemática e foi realizada por critérios da declaração PRISMA, usando como estratégia de busca os termos MeSH e DESCs, nas bases científicas da BVS, SciELO e PUBMED. Os termos de busca foram “Physical Fitness”, “Brazil” e “Students”. Os principais protocolos de avaliações foram: PROESP/BR, AAHPERD e FITNESSGRAM. As baterias de teste utilizaram para efeito de cálculos, composição corporal, Flexibilidade (sentar e alcançar), resistência muscular localizado (abdominal) e o cardiorrespiratório (caminhada de vai e vem e caminhada 9 minutos). Os estudos da aptidão física relacionado a saúde, a composição corporal e flexibilidade, apresentaram níveis recomendados para saúde em média de 73,8% de composição corporal e 63,1% flexibilidade, entretanto os índices para resistência muscular e cardiorrespiratório ficaram abaixo de 50% para inaptidão física. Com isso conclui-se que ocorreram bons níveis dos indicadores antropométricos composição corporal e flexibilidade, com destaque para as meninas que apresentaram maior flexibilidade que meninos. Os componentes da resistência muscular localizada e cardiorrespiratório, demonstraram desempenho ruim abaixo de 50%, com isso, esse resultado apresenta grande relação com risco a saúde do coração e qualidade de vida.

Palavras-chave: Aptidão Física; Adolescente; Escolares.

ABSTRACT:

The aim of this study was to investigate using a systematic literature research, the level of physical fitness related to Brazilian teen student’s health. In order to do so, series of tests were evaluated (body composition, localized muscle resistance, flexibitity, and cardiorespiratory). This research was conducted considering the criteria declarations from PRISMA, using as a strategy to search the desired keywords MeSH, in scientific data base such as BVS, SciELO, and PUBMED. More over, the key words used in the data base were “physical fitness”, “Brazil”, and “students”. The main protocols used to asses were: PROES/BR, AAHPERD, and Fitnessgram. In order to calculate the indexes, the following series of tests were used: body mass composition, flexibility (to sitdow nand to reach), localized muscle endurance (abdominal), and cardio respiratory fitness (back and forth walk and 9-minute walk). The studies of Health-Related Physical Fitness, the corporal mass composition and flexibility present edre commendedl evels, in average 73.8%  mass composition, and 63.1% flexibility. However, the indexes for muscle endurance and cardiorespiratory fitness were bellow 50%. Therefore, one can conclude that there were good level so f anthropometric indexes, mass composition and flexibity, especially for femal estudents. In addition, they display edgreater flexibility when compared to the male students. Regarding to the localized muscle endurance and cardio respiratory components, theys howed a poor performance, with result sunder 50%. These poor results represent a higher risk to develop heart disease problems and a lower quality of life.

KEYWORDS:Physical aptitude; Teen; Students.